quarta-feira, abril 22, 2015

de de

Galochas, usar ou não usar?

Teve um dia que, na hora que fui buscar minha filha na escola começou a chover, mas chover muito! Coloquei um tênis velho e calça jeans. Andei meia quadra e estava molhada até acima dos joelhos. E pensei: isso vai se repetir muitas vezes ainda. Está na hora de comprar uma galocha.
Quando as galochas surgiram, há uns anos atrás, torci o nariz pra elas. Mas agora virou necessidade, e percebi que ela pode ficar muito bem em looks SIM!
"As galochas continuam sendo  um acessório para dias de chuva, só que com design mais moderno e estiloso, passaram também a serem usadas como botas comuns. - Ana Franco, personal Stylist
Elas são práticas e ideais para os dias chuvosos. Ninguém gosta de ficar com os pés molhados ou estragar sapatos, não é mesmo?
Dá pra usar com legging, jeans skinny, shorts e saia ou vestido.
Vamos ver uns looks para perder o preconceito e se inspirar? Garanto que você também vai ficar com vontade de comprar uma!
1. Atlantic Pacific 2. Le Blog de Betty 3. Wish wish wish
1. Hillary Duff 2. Liv Tyler 3. Jessica Szorh
1. Marcia Cross 2. Abbie Cornish 3. Halle Berry

Onde comprar?
Comprei a minha na Passarela, pois foi o único site confiável e de entrega rápida que encontrei com um modelo que gostei. E optei por uma pretinha básica para começar. Mas confesso que estou louca por uma vermelha, uma de oncinha e uma xadrez colorida!
Em lojas nacionais vi que tem na Havaianas, na Melissa, entre outras. E claro, em lojas físicas.
E aí, gostou? A galocha vai entrar para o seu guarda roupa? Qual look você mais gostou? Me conte nos comentários!

segunda-feira, abril 20, 2015

de de

Livro para colorir | Jardim Secreto

Todas já devem ter visto algo sobre os livros para colorir para os adultos da Johanna Basford, né?
O poder relaxante, desestressante e a tendência que virou.
Bom, a minha história com esse livro foi engraçada. Comprei o Jardim Secreto e fiquei pensando: ah, não vou ter paciência de colorir, meu marido vai achar bobagem... mas vamos ver no que vai dar. Daí comecei a colorir com os lápis normais que tinha em casa. Era sobra de lápis da escola da minha filha, poucas cores e tal. Uns 3 dias depois, meu marido voltou de viagem e disse que tinha um presente pra mim. Adivinham o que era? Ele comprou o Jardim Secreto porque achou que era a minha cara! HAHAHAH. Eu ri e mostrei pra ele que já tinha e que já tinha começado a colorir. Mas o mais bacana é que ele tinha comprado uma caixa de lápis de 48 cores, tipo... ostentação mesmo, sabe? Porque o lápis tá muuuuuito caro! Pirei, parecia criança com um presente de natal muito desejado.
A autora, Johanna Basford, é uma ilustradora que cria desenhos intrincados e feitos à mão, inspirados na flora e na fauna do lugar onde mora, na área rural da Escócia.
Dentro do livro há imagens para colorir, labirintos para solucionar, estampas para finalizar e espaços em branco, para preencher com nossos próprios desenhos. É um livro para todas as idades, que nos permite esquecer os problemas do dia a dia, através dos desenhos e que busca trazer à tona o artista que existe dentro de cada um de nós.
Podemos colorir com diferentes produtos. Há quem use canetinhas, canetas, giz de cera e lápis de cor. Eu estou usando o Ecolápis de cor Aquarelável da 48 cores, da Faber Castell. É bem macio, e dá para fazer aquarela com as cores, como fiz no desenho acima. Fica um efeito lindo! E já vem com um pincel. Mas temos que tomar cuidado, não molhando muito, para não rasgar a folha.
Por enquanto, esse lápis me basta.
Outra dica importante é usar uma prancheta, ou algo duro, para não marcar a página seguinte.
O livro está a venda em várias livrarias e papelarias. Se não tem na sua cidade, você pode encontrar online. Não vou indicar uma loja aqui, mas procurando, encontra-se lojas bem confiáveis.
Já está a venda, o segundo livro da mesma autora, que chama-se Floresta Encantada. Já o desejo também!
Fiquei sabendo que no site Amazon tem outros livros com a mesma proposta, vale a pena conferir!
No instagram, procurando pelas hashtags #jardimsecreto #secretgarden #johannabasford encontra-se muita inspiração!
E aí, você conhecia? Ficou com vontade de colorir também?

quinta-feira, abril 16, 2015

de de

24 filmes para 2015 | 03 - Garota exemplar

No grupo de blogueiras que participo, Blogs que interagem, tem um projeto chamado 24 filmes para 2015. E tenho que me conter para não postar apenas sobre ele!
Postagens anteriores:
#1 tecnologia.
#2 drama.
Hoje a categoria é: baseado em livros.

Garota Exemplar
Amy Dunne desaparece no dia do seu aniversário de casamento, deixando o marido Nick em apuros. Ele começa a agir descontroladamente, abusando de mentiras, e se torna o suspeito número um da polícia. Com o apoio da irmã, Nick tenta provar a sua inocência e, ao mesmo tempo, procura descobrir o que aconteceu com Amy.
Vamos ver o trailer?

A primeira coisa que vou falar é: fazia muito tempo que eu não via um filme tão bom!
O filme é baseado no best seller: 'Garota Exemplar' de Gillian Flynn (que também assina o roteiro do filme), dirigido por David Fincher e produzido pela minha diva Reese Witherspoon. Só gente muito boa!
O filme começa no dia do aniversário de 5 anos do casamento de Nick e Amy. Mas ela some. Ele aciona a polícia e começa a investigação. Junto com isso, muitas cenas do passado, para entendermos a história do casal.
Em todo aniversário de casamento, Amy faz uma caça ao tesouro. Uma espécie de brincadeira entre eles, as pistas começam a aparecer, e entre outros acontecimentos e comportamento estranho, Nick é tido como o principal suspeito do desaparecimento da esposa.
Rosamund Pike foi indicada ao Oscar neste ano pelo papel em Garota Exemplar. Não era a minha favorita, mas ela está linda e perfeita neste filme.
Eu não li o livro, e as minhas expectativas com o filme eram boas. Me interessei muito depois que vi que foi produzido pela Reese, ela só produz filme de alto padrão. E o trailer me deixou curiosa.
O filme traz uma discussão interessante sobre a vida adulta. Um casal que era perfeito, mas que é levado pela vida a se transformar num tipo de casal que antes eles detestavam: o marido frio e a esposa controladora.
A única coisa ruim é que o filme é muito comprido. Quase 3 horas de filme. Numa das vezes comecei a assistir muito tarde e me assustei quando vi a hora!
Mas eu gostei tanto que já vi duas vezes!
E aí? Você já viu esse filme? Ficou interessado? Comente aí e me conte!

terça-feira, abril 07, 2015

de de

Desenhos que marcaram a minha infância

Imagem de DevianArt
Pode ser tema de postagem em época de dia das crianças, mas é algo que estou vivendo no momento com a minha filha. Ela está com 4 anos, e adora assistir Disney Jr. Mas, às vezes mostro a ela um desenho diferente, da minha época. E o resultado? Ela ama!
Não sou novinha, então os desenhos a seguir são bem antigos, alguns do fundo do baú mesmo. Mas é o meu top 5! Aprovado pela minha filha. ;)
Vamos ver as aberturas, pra dar aquele gostinho de nostalgia?

1. Cavalo de fogo

Acho a história mágica. Por mais que teve apenas 13 episódios, marcou muito a minha infância.
Ai, confesso que chorei litros nas primeiras vezes que ouvi a abertura.

2. Nossa turma

Esse desenho marcou muito, adoro a música da abertura. Passa uma mensagem tão bonitinha de ajudar os amigos e acreditar que tudo sempre vai dar certo. <3

3. Tom & Jerry

Até meu pai ama Tom & Jerry, e se puder, ele assiste até hoje!

4. Os Smurfs

Eu gostana TANTO de Smurfs que ganhei o CD deles quando era criança. Sabia todas as músicas de cor. Depois que minha filha nasceu, fiz o download do álbum pra ela.

5. She-Ra

She-ra foi a primeira super heroína que conheci. Adorava muito, e morria de vontade de ter uma roupa como a dela. HAHAHA!

Sentimentos se misturam, dá uma saudade de um tempo que não volta mais...
Reconheceu algum? Qual seu desenho preferido? Me conta nos comentários. ;)

quarta-feira, abril 01, 2015

de de

Tons de cinza

De um tempo pra cá, tenho visto muitas fotos de mulheres com o tom do cabelo cinza e estou achando simplesmente incrível! Também porque só tenho amado meu cabelo logo depois de usar um produto desamarelador e ele ficar acinzentado durante uns dias.
Esse tom já passou pela cabeça de algumas famosas como Rihana, Kylie Jenner, Kelly Osbourne e Lady Gaga, que foi capa da revista Vanity Fair com os cabelos dessa cor.
A ideia é inusitada, mas o resultado é surpreendente!
Estou apaixonada, só que li por aí que para chegar nesse tom só em salão, e por isso deve ser meio caro.
Tem que descolorir o cabelo e depois matizar com um produto que retira o tom amarelo do cabelo. Quanto mais tempo deixar, mais cinza vai ficar. E eu mesma, meio que desisti de fazer minhas luzes, pois judia muito do cabelo. Quem faz sabe do que estou falando.
E ainda tem a manutenção da cor, com hidratações, e para quem tem o cabelo mais escuro, idas ao salão para retoque serão constantes.
"É uma tendência gélida, fria que quer passar também uma mensagem de rebeldia de uma forma sutil pela quebra do padrão de beleza previsível." - Julio Crepaldi, Salão Galeria
Vou tentar chegar perto desse tom de uma forma caseira e barata, com a violeta genciana que tenho usado. Se der certo, conto para vocês!
Para ver mais meninas com essa tonalidade de cabelo, procure no instagram com a hashtag #GrannyHair.
E vocês, o que acharam? Alguém aí tem esse tom de cabelo? Deixa o link do insta para eu ver!