quarta-feira, agosto 19, 2015

de de

24 filmes para 2015 | 06 Livre

A pessoa mais atrasada do projeto do Blogs que interagem, o '24 filmes para 2015' ainda acha que vai conseguir fazer todas as resenhas que faltam para o ano. Será?
O tema escolhido para hoje é: viagens, e o filme escolhido é: Livre.


Livre
Após a morte da mãe, um divórcio e uma fase de autodestruição repleta de heroína, Cheryl Strayed decide mudar e investir em uma nova vida junto à natureza selvagem. Para isso, ela se aventura em uma trilha de 1100 milhas pela costa do oceano Pacífico.

Vamos ver o trailer?

Demorei um tempo para ver esse filme, com a minha diva Reese Witherspoon. Pra quem não sabe, é a minha atriz preferida no mundo inteiro. Eu e uma amiga até mantemos um fansite sobre ela, o Reese Witherspoon Brasil.O site está meio parado por falta de tempo, mas para quem quiser conhecer, só clicar aqui.
Antes de eu começar a assistir, me falaram que é como um Na natureza selvagem (filme com Emile Hirsch, que assiste há vários anos atrás, muito bom por sinal) versão feminina.
O filme é cheio de flashbacks que nos faz entender o porquê de ela ter tomado a decisão de percorrer 1770 km a pé. Ela tem um laço muito forte com a mãe, que morre de forma repentina, de câncer. Depois da morte da mãe, Cheryl entra num luto obscuro, onde se vicia em heroína, faz sexo com qualquer pessoa e o resultado de tudo isso é o fim do seu casamento. No momento que ela se toca do que está acontecendo com sua vida, ela começa essa jornada de autoconhecimento.
O objetivo dela, fazendo essa trilha é se redimir de seus erros do passado e curar a saudade da mãe. Agora, preciso falar: que coragem! Além de ser 1770 km a pé, fazer essa trilha sozinha, sendo mulher... é muita coragem!
Sei lá o que se pode encontrar sozinha nessa trilha além de pessoas mau intencionadas, bichos perigosos, tempestade, neve, fome, sede, dor... etc. Algumas dessas coisas ela encontra.

Cheryl não tinha nenhum conhecimento sobre trilhas e ficamos curiosos para ver até que ponto ela vai chegar, caminhando por toda a costa dos Estados Unidos, da fronteira do México, até o Canadá.

Reese foi produtora do filme, por isso ele é impecável! Ela é conhecida por ser muito perfeccionista, e posso perceber isso pelos filmes que ela tem produzido. Um deles é o 'Garota Exemplar', que você pode ver a resenha aqui.
Confesso que, por ela ter sido indicada ao Oscar por esse papel, esperava um filme, quem sabe, mais agitado. Ela está maravilhosa como Cheryl, mas o filme é meio parado, só com ela enfrentando os problemas da viagem, relembrando a vida antes da mãe morrer, e do seu luto. Mas o resto está incrível, artístico, perfeito!

Para ver outras postagens do projeto '24 filmes para 2014', clique nos temas a seguir:
#1 - Tecnologia
#2 - Drama
#3 - Baseado em livros
#4 - Fantasia
#5 - Animação

6 comentários:

  1. Nunca tinha ouvido falar do filme, mas me interessei. Adoro filmes de drama e acho que a Reese atua muito bem. Vou procurar pra ver! :)

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia esse filme, mas adicionei na minha listinha de filmes pro fds. Achei a história bem interessante. O trailer só aumentou minha curiosidade. :) a

    ResponderExcluir
  3. Nossa, não tinha a menor idéia que ela produziu Garota Exemplar! Que legal!
    Eu particularmente não me interesso por filmes "na natureza" ou drama, sou chata haha então não tive vontade de ver o Livre. Mas como minha irmã ama, vou indicar esse filme pra ela!

    Beijos

    http://blvckwasabi.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia esse título, vou correr atrás, parecer seu MUITO BOM!

    Beijos

    www.danielavigne.com.br

    ResponderExcluir
  5. Mais um filme na minha lista de filmes para se assistir ^^

    Helaine Costa - Blog NannaMais
    http://nannamais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Reese divaaaaaaaaaa *-*
    Own baby não sabia que era dona desse fansite dela, que perfeito!
    E sabia muito menos que ela tinha dirigido garota exemplar, genteeeeeeeee, que legal!
    Nunca assisti esse filme, ouvi falar dele, e também vi o livro dele com a mesma capa do filme com a Reese na livraria cultura. Mas nunca me interessei em procurar saber a história. Eu não curto muito esse estilo de filme, e como você falou que é um pouquinho parado, não sei se iria gostar hahahah. Mas vou arriscar pra ver!

    www.vodkaescarpin.com.br

    ResponderExcluir